Cadastre-se
Esqueceu a senha?
Entrar
Ação oferece exames oftalmológicos e óculos gratuitos para estudantes de Curitiba
5 Julho 2018  |  Seção: Notícias  |  Categoria: Oftalmologia geral
WhatsApp Facebook Twitter LinkedIn Send
A - A +
Enviar por E-mailX

Você pode enviar este conteúdo para até três amigo(a)s ao mesmo tempo.

+ 1 Amigo(a)

+ 1 Amigo(a)

Enviar Conteúdo
Resultado de parceria público-privada, atendimento integra o Projeto Criança e Adolescentes Protegidos
Data:
Cidade:
Cerca de 60 estudantes de Curitiba serão atendidos nesse sábado, dia 7, com exames oftalmológicos gratuitos. Trata-se de mais uma etapa de um projeto pioneiro no país, resultado de uma parceria público-privada, que teve início em 2017, com objetivo de promover a saúde ocular de estudantes de escolas públicas do Paraná. O atendimento envolve crianças e jovens de um colégio do CIC, que passaram por uma triagem, e que agora fazem exames mais detalhados para prescrição de óculos, também sem custo para as famílias envolvidas no projeto.
A ação integra o Projeto Criança e Adolescentes Protegidos e envolve a Associação Paranaense de Oftalmologia (APO), Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), a Secretaria de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, O Tribunal de Justiça do Paraná, O Instituto de Identificação do Paraná (IIPR) e outras secretarias de Estado. No protocolo de intenções firmado ano passado, a proposta era promover este tipo de atendimento em 38 cidades que integram o programa Paraná Cidadão e UPS-Cidadania.
Para o presidente da Associação Paranaense de Oftalmologia, Marcello Fonseca, ações sociais que promovam cidadania são de extrema importância. "Vamos dar oportunidade às crianças e aos adolescentes que precisam e que sofrem com qualquer enfermidade ocular, levando esses atendimentos e os devidos encaminhamentos para algum exame mais especifico", afirmou.
O secretário Geral da Associação Paranaense de Oftalmologia, Arthur Schaefer, destacou a importância social desse trabalho projeto. "Sabemos que muitas crianças e jovens enfrentam dificuldade de alfabetização que na verdade são resultado de alguma dificuldade visual. Cerca de 20% dessa população estudantil deveria usar correções óticas e não o fazem por falta de oportunidade, por falta de atendimento", diz Arthur Schaefer.
Para viabilizar o programa, as diretorias da APO e CBO envolveram empresas da iniciativa privada, para a arrecadação dos óculos que vêm sendo doados aos estudantes. Nesta etapa, o Laboratório Hoya e a Ótica Lens são os patrocinadores da ação. As consultas e exames desse sábado acontecem na Clínica Schaefer, a partir das 8h30. "Além do trabalho dos oftalmologistas, é importante destacar essa parceria com a iniciativa privada é benéfica para a saúde ocular das crianças e sem a mesma não seria possível viabilizar o projeto", destacou Arthur Schaefer.

Serviço
O atendimento acontece a partir das 8h30, na Clínica Schaefer Oftalmologia e Neurologia, localizada na Av. Getúlio Vargas, 2932, localizada em frente ao Clube Curitibano e envolve 60 crianças e jovens de um colégio do CIC. Eles já passaram por triagem, agora fazem exames mais detalhados para prescrição de óculos, que também serão doados sem custo para as famílias envolvidas no projeto.



Fonte: Mais Comunicação
Comentários X

As opiniões expressas nos comentários são de única e exclusiva responsabilidade de seus autores e não expressam a opinião deste site. Comentários ofensivos ou que violem a legislação vigente serão suprimidos.


* seu e-mail não será publicado.
Enviar Comentário